Amapá abre inscrições para cargo de defensor com salário de R$ 22,4 mil

Amapá abre inscrições para cargo de defensor com salário de R$ 22,4 mil

Amapá abre inscrições para cargo de defensor com salário de R$ 22,4 mil

A Defensoria Pública do Estado do Amapá está aceitando inscrições para o cargo de Defensor Suplente até 29 de junho.

A Defensoria Pública do Estado do Amapá (DPE AP) está com inscrições abertas para o concurso público destinado ao preenchimento de vagas para o cargo de Defensor Adjunto.

Os candidatos devem, adicionalmente, ter formação superior em Direito até pelo menos três anos de experiência comprovada na área jurídica. O salário para o cargo de Defensor Público Adjunto do Estado do Amapá é de R$ 22.491,20.

O banco responsável pelo concurso é a Fundação Carlos Chagas (FCC).

Vagas e salário DPE AP

No total, a Defensoria Pública do Estado do Amapá oferece cinco vagas efetivas para o cargo de defensor público, além da formação de cadastro de reserva.

De do total, 5% das vagas oferecidas são destinadas a candidatos com deficiência e um adicional de 20% para candidatos que se declaram pretos e pardos no ato da inscrição.

O salário mensal para o cargo de representante do público defensor previsto no concurso público é de R$ 22.491,20.

Para concorrer à vaga, o candidato deve ser formado em Direito, além de experiência comprovada de no mínimo três anos de prática jurídica.

O candidato ainda deve ser maior de 18 anos, brasileiro, com registro eleitoral sistema de justiça estão em dia e não têm antecedentes criminais.

Inscrições DPE AP

As inscrições para o cargo de Defensor Público Adjunto do Estado do Amapá podem ser realizadas diretamente pelo site da FCC até 29 de junho de 2022.

A taxa de inscrição é de R$ 310. Fases do Concurso DPE AP O Concurso da Defensoria Pública do Estado do Amapá será realizado em cinco fases: Primeira Fase:

Prova Escrita Objetiva de Múltipla Escolha, caráter eliminatório e habilitação, sob responsabilidade da Fundação Carlos Chagas;

  • Segunda etapa: Provas Discursivas Específicas, de caráter eliminatório e classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Carlos Chagas;
  • Terceira etapa: Prova Oral, de caráter eliminatório e classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Carlos Chagas;
  • Quarta etapa: avaliação de títulos, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Carlos Chagas.

A prova objetiva será aplicada no dia 7 de agosto de 2022 na cidade de Macapá, Amapá.

Serão um total de 100 questões de múltipla escolha divididas nas seguintes áreas de conhecimento:

  • Direito Constitucional;
  • Direito Administrativo;
  • Direito Penal e Criminologia;
  • Direito Processual Penal;
  • Direito Civil;
  • Direito Processual Civil;
  • Direito do Consumidor;
  • Direitos Difusos e Coletivos;
  • Direitos Humanos;
  • Direito da Criança e do Adolescente;
  • Direito do Idoso e da Pessoa com Deficiência;
  • Direito Agrário, Ambiental e Urbanístico;
  • Direito Institucional da Defensoria Pública;

A prova de fala será realizada em duas datas: 15 e 16 de outubro de 2022.

Os candidatos serão avaliados nos seguintes tópicos:

01 Documento processual processos cíveis que abrangem as áreas do direito civil , direito processual civil e/ou direito administrativo e/ou direito do consumidor e/ou direito da infância e juventude. 03 Dúvidas sobre questões civis e/ou administrativas e/ou direitos humanos e/ou direitos difusos e coletivos 01 Peça processual penal nas seguintes áreas: direito penal, direito processual penal e/ou direito constitucional. 03 Questões em matéria penal e/ou direito constitucional e/ou direito da infância e juventude e/ou direitos dos idosos e direitos das pessoas com deficiência.

Somente os 60 primeiros colocados do exame discursivo serão convidados para a terceira etapa (exame oral).

Para maiores informações sobre o conteúdo programática e o cronograma completo de datas, clique aqui e leia o edital na íntegra.

Outros Concursos Jurídicos


Os interessados ​​na carreira de Direito Público também podem se inscrever em outros concursos realizados em todo o Brasil.

Em São Paulo, por exemplo, há concursos para o cargo de advogado. O Tribunal de Justiça do Estado do Piauí oferece vagas em diversas áreas, inclusive jurídica.

Um juiz suplente está disponível em Santa Catarina. As inscrições podem ser feitas até 27 de junho.

Compartilhe este post:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.