AUXÍLIO BRASIL: INSCREVA-SE para ganhar sua parcela de R$ 600

AUXÍLIO BRASIL: INSCREVA-SE para ganhar sua parcela de R$ 600

AUXÍLIO BRASIL: INSCREVA-SE para ganhar sua parcela de R$ 600

As famílias que desejam participar do Auxílio Brasil precisam considerar uma oportunidade futura. A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) foi aprovada pelo Congresso Nacional, que visa aumentar não só o valor dos benefícios do programa para R$ 600, mas também o número de pessoas participantes do programa.

Inicialmente, o poder executivo espera inscrever mais de 2 milhões de pessoas no programa assistencial.

Se confirmado, isso seria agora mais uma mudança na estratégia do governo federal. Inicialmente, o PEC previa a admissão de mais de 1 milhão de famílias. Agora, o número de beneficiários deve dobrar.

Para ser incluído no antigo Bolsa Família, é necessário se cadastrar no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). As famílias que já estão cadastradas, mas ainda não estão recebendo o benefício, podem atualizar o cadastro para correr o risco de receber o benefício desta vez.

Quais são as regras para participar do Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil é pago às famílias que atendem aos seguintes requisitos:

  • Estar cadastrada, pela prefeitura, no Cadastro Único (CadÚnico);
  • Ser selecionada pelo Ministério da Cidadania;
  • Estar em situação de pobreza ou de extrema pobreza. Ademais, para as famílias em situação de pobreza é necessário que apresentem, em sua composição, gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças, adolescentes ou jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

Além disso, após serem elegíveis ao Auxílio Brasil, as famílias devem atender aos seguintes requisitos para participar do programa:

  • Em primeiro lugar, realização do pré-natal;
  • Acompanhamento do calendário nacional de vacinação;
  • Acompanhamento do estado nutricional;
  • Frequência escolar mínima definida em regulamento;
  • Matrícula em estabelecimento de ensino regular para jovens entre 18 a 21 anos.

Como fazer a inscrição no CadÚnico – AUXÍLIO BRASIL 600: Parcela de R$ 600

Antes é preciso informar que para se cadastrar no CadÚnico é preciso se enquadrar nas seguintes situações:

  • famílias com renda mensal per capita de até meio salário mínimo (R$ 606);
  • famílias com renda bruta mensal de até três salários mínimos (R$ 3.636);
  • famílias com renda superior às mencionadas, mas que necessitem de registro para concessão de medida específica;
  • Famílias na rua – cidadãos sozinhos ou acompanhados.

De acordo com um desses casos, o grupo familiar deve eleger um representante legal. Ele deve ter pelo menos 16 anos e de preferência do sexo feminino. Identificado o responsável, ele deve entrar em contato com o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) da área.

Nesse momento, ele deve apresentar, no mínimo, o título de eleitor e o CPF. No entanto, o registro se aplica a cada grupo familiar, portanto, é necessário ter pelo menos um dos documentos listados abaixo de cada membro da família:

  • Título de Eleitor;
  • Certidão de Nascimento;
  • Certidão de Casamento;
  • Carteira de Identidade (RG);
  • Carteira de Trabalho;
  • CPF;
  • Certidão Administrativa de Nascimento do Indígena (RANI) em caso de famílias indígenas e quilombolas (para todo o núcleo familiar);
  • Comprovante de residência recente, conta de água ou luz de no máximo três meses (para todo o núcleo familiar).

Como atualizo o CadÚnico?

O cadastro serve de base para concessão e manutenção de benefícios em mais de 25 programas federais. Portanto, os dados fornecidos pelas famílias devem estar sempre atualizados.

Além da necessidade de atualização do CadÚnico a cada dois anos, a família deve realizar o procedimento nos seguintes casos:

nascimento de um novo familiar; Falecimento de um familiar; mudança de endereço; Aumento ou diminuição da renda familiar; Troca da unidade escolar para crianças e jovens.

O procedimento é semelhante ao cadastro, basta ir a uma entidade CRAS e fornecer a documentação comprobatória dos dados ou informações que precisam ser alteradas no cadastro da entidade.

Compartilhe este post:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.