Governo pretende verificar empréstimos de até R$3 mil do microcrédito CAIXA. Quando vai ser liberado?

Governo pretende verificar empréstimos de até R$3 mil do microcrédito CAIXA. Quando vai ser liberado?

Qualquer cidadão brasileiro já pode solicitar o empréstimo Caixa Tem. Segundo informações do governo federal, várias pessoas vêm fazendo isso desde que foi aberta a possibilidade de empréstimo. Mas é preciso ficar atento ao uso do valor liberado pelo Palácio do Planalto naquele momento.

Segundo informações oficiais, o cidadão que solicitar o empréstimo do Caixa Tem deve utilizar o valor apenas para o desenvolvimento de sua empresa no momento. Justamente por isso, a liberação de recursos é apenas para microempreendedores individuais (MEIs) e autônomos.

Em entrevista na semana passada, o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, falou sobre a matéria. Segundo ele, o governo federal deve fiscalizar o uso do dinheiro pelas pessoas que recebem o valor. A ideia é que os usuários possam usar o valor para desenvolver seus projetos.

Durante o processo de inscrição no Caixa Tem, o autônomo precisa explicar porque precisa do dinheiro agora. Por exemplo, ele pode dizer que precisa do valor para atualizar sua pequena loja ou comprar materiais para venda. São atos que justificam a liberação do crédito.

O governo federal não libera automaticamente o crédito do Caixa Tem para todos os usuários. Imediatamente após a solicitação, eles pedem ao cidadão que espere pelo menos 10 dias por uma resposta. Durante esse tempo, eles analisam as diversas informações para ver se o usuário consegue o crédito.

Quem é negativo pode se inscrever?


Quem tem algum tipo de negócio e é negativo também pode solicitar o benefício . De acordo com a Caixa Econômica Federal, essas pessoas também podem conseguir o empréstimo. De fato, mais de 80% dos usuários que solicitaram o empréstimo até agora estão com o nome sujo.

A única exigência é que a dívida acumulada esteja abaixo do teto de R$ 3.000. O financiamento imobiliário não entra nesta conta. Gastos com cheque especial ou mesmo com limite de cartão de crédito também não são permitidos.

Lembre-se, no entanto, que mesmo nos casos em que o devedor deve menos de R$ 3.000, ele ainda é responsável por uma avaliação diária de classificação como qualquer outra pessoa que esteja solicitando o Empréstimo Caixa Tem.

Como funciona o empréstimo e quem pode?

De acordo com as regras do microcrédito, as pessoas físicas podem solicitar um empréstimo de até R$ 1.000, com taxa de juros mensal de 1,95% ao mês e prazo de pagamento de 24 meses. Para resgatar os valores você não precisa de muita burocracia, pois o contrato pode ser feito diretamente no aplicativo Caixa Tem, bastando concordar com as condições de crédito e aguardar até sete dias para a análise.

Por outro lado, regras diferentes se aplicam ao Programa de Simplificação do Microcrédito Digital para Empreendedores (SIM Digital). Essa modalidade permite a inscrição de microempreendedores individuais, com valor máximo de até R$ 3.000, que pode ser dividido em 24 parcelas mensais. As taxas chegam a 1,99% ao mês.

Pessoas físicas e MEIs que exerçam atividades produtivas com faturamento bruto ou faturamento anual de até R$ 360.000. O governo considera as pessoas físicas como empreendedores individuais.

É importante ressaltar que o valor do negócio dos trabalhadores deve ser utilizado para aumentar o capital de giro, adquirir capital de giro ou realizar investimentos em equipamentos e aparelhos que favoreçam o aumento da produção na atividade laboral.

Empréstimo do Caixa Tem para quem é do Auxílio Brasil?

Há pouco mais de um mês, o Governo Federal anunciou que os usuários do Auxílio Brasil também terão um empréstimo para chamar de seu. Trata-se de um consignado que já foi oficializado por membros do Palácio do Planalto.

Mas vale lembrar que a modalidade em questão ainda não foi devidamente regulamentada pelo Ministério da Cidadania. Por isso, os usuários do programa ainda não podem realizar a solicitação do crédito neste momento.

De qualquer forma, o cidadão que faz parte do Auxílio Brasil pode solicitar o empréstimo do Caixa Tem. A diferença é que o empréstimo não é consignado. Além disso, o usuário precisa seguir todas as exigências do benefício.

Compartilhe este post:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.