PIS/Pasep: veja quando será pago o abono salarial ano base 2021?

PIS/Pasep: veja quando será pago o abono salarial ano base 2021?

PIS/Pasep: veja quando será pago o abono salarial ano base 2021?

O governo federal confirmou o complemento salarial PIS/Pasep 2021 para empregados de empresas privadas e servidores públicos. Conforme o anúncio, o pagamento só acontecerá no ano que vem, mas o calendário ainda não foi definido pelo governo. A liberação dos pagamentos está prevista para janeiro e dezembro de 2023.

O complemento salarial é igual a um salário mínimo e é pago pela Caixa Econômica Federal sob a direção do Ministério do Trabalho e Previdência Social. Os meios de pagamento são provenientes do FAT — Fundo de Amparo ao Trabalhador.

Quando sai o calendário do PIS/Pasep 2021 ?

Quem decide sobre os calendários e o pagamento do subsídio salarial é o governo federal em conjunto com o Conselho Consultivo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). Os novos pagamentos de 2021/ano base devem ser feitos em 2022 após o governo esperar o abono em 2020. Até agora, no entanto, nenhuma definição foi confirmada pelo governo.

Porque é um ano eleitoral e o Presidente avança o PEC Combustível, abre espaço fiscal para reajustes no Auxílio Brasil e Auxílio-Gás espera que o PIS – Salário seja liberado, o que não foi.

Durante este segundo semestre, Codefat deve se reunir para definir quando os novos pagamentos serão feitos. Se o abono salarial do Pis/Pasep de 2021 for pago ainda este ano, só está previsto para o último trimestre do ano. É altamente provável que o governo não anuncie as datas de pagamento do subsídio de 2021 até o início do próximo ano. Este ano, o calendário não foi publicado até fevereiro.

Detalhes do PIS/Pasep

Os pagamentos do salário de assinatura PIS/Pasep ano-base 2020 já foram divulgados este ano e o dinheiro pode ser sacado até 29 de dezembro, quem tem direito ao abono que tenha pelo menos 30 dias de carência para o ano base de cálculo considerado, com salário médio mensal de até dois salários mínimos.

Vale lembrar que o valor do abono salarial depende do número de meses trabalhados com carteira assinada no ano-base em questão. O valor mínimo é de R$ 101 e o valor máximo, que corresponde a 12 meses de trabalho, é de um salário mínimo (R$ 1.212).

O Programa de Integração Social (PIS) é destinado a empresas e setor público Programa de capacitação de trabalhadores (Pasep) para servidores públicos.

O pagamento do PIS é feito na Caixa Econômica Federal e casas lotéricas e Pasep pelo Banco do Brasil. Se não tiver conta num destes bancos, pode utilizar o seu cartão de cidadão e a sua palavra-passe para levantar o suplemento salarial em qualquer ATM. Se você não tiver o cartão, poderá obtê-lo em qualquer agência da Caixa com documento de identidade com foto, CPF e carteira de trabalho.

Compartilhe este post:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.